BREVES: Cultura

Notícias breves de Cultura:

5.ª edição de Human Entities debate relação com as tecnologias

A 5.ª edição de Human Entities regressa a Lisboa, em setembro e outubro, com um programa de conversas públicas focado na mudança tecnológica, e o seu impacto na cultura.

Iniciativa do grupo artístico CADA, o evento, que estará na sede da Trienal de Arquitetura de Lisboa, o Palácio Sinel de Cordes, vai abordar a forma como se convive com as tecnologias neste programa de conversas públicas, às 18:30 dos dias 15, 22, 28 de setembro e 21 outubro.

Para estas sessões foram convidados quatro oradores portugueses e estrangeiros de diversas áreas, desde a arte, direito e biologia: Inês Cisneiros, Alexandre Estrela, Merlin Sheldrake e Jennifer Grabys.

As conversas – que serão conduzidas em língua inglesa e seguidas de uma sessão de perguntas, presenciais e ´online´, com entrada livre – visam “expandir visões alternativas e esperançosas para o futuro do planeta, das sociedades e das vidas”, segundo a organização.

Concerto de Black Crowes em Lisboa adiado de novo para 19 de outubro de 2022

O concerto dos norte-americanos The Black Crowes no Campo Pequeno, em Lisboa, agendado inicialmente para 14 de novembro de 2020 e entretanto adiado para 12 de novembro deste ano, voltou a ser adiado, desta feita para 19 de outubro do próximo ano, anunciou a promotora Everything is New.

“Devido à contínua incerteza na realização das ’tours’ internacionais, devido à situação pandémica atual, a tour Europeia e do UK dos The Black Crowes encontra-se adiada para 2022”, pode ler-se no comunicado hoje divulgado.

Os bilhetes já adquiridos mantêm-se válidos, sendo possível o reembolso apenas para quem adquiriu entrada para o espetáculo de 2020, a ser solicitado entre 15 de novembro e 03 de dezembro.

Nova biografia de rei Manuel I publicada pelos CTT

O livro “D. Manuel I, Venturas e Desventuras de um Rei de Portugal”, de Paulo Drumond Braga, é publicado na quinta-feira pelos CTT, quando se completam 500 anos sobre a morte do monarca.

O livro, numa edição bilingue em português e inglês, inclui a emissão filatélica homónima, composta por dois selos e um bloco filatélico, no valor de 3,94 euros, cujo ‘design’ esteve a cargo do Atelier B2 Design.

“D. Manuel I estabeleceu o primeiro serviço de correio público em Portugal, atribuindo o cargo de correio-mor do reino em 1520”, lê-se no comunicado divulgado pelos CTT.

Manuel I nasceu, em Alcochete, em 1469 e morreu, em Lisboa, em 1521. A sua subida ao trono deveu-se à inesperada morte do príncipe Afonso, único filho legítimo de João II que designou o seu primo sucessor.

AG/TDI/NL // TDI -Lusa – RL33